Caspar David Friedrich – Eu e eu mesmo

Antes de começar a falar do artista de hoje, observem esta pintura:

 

Esta pintura se chama “Caminhante sobre o mar de névoa”. Quadro pintado no ano de 1818 pelo senhor Caspar David Friedrich, gravurista alemão.

Observe esta imagem… qual é a coisa mais anacrônica de todas nela? O que, provavelmente, deveria estar acontecendo se esta cena se repetisse nos dias atuais?

Simples! O cara, ao invés de estar perdido em pensamentos, observando esta incrível demonstração da natureza, ele estaria tirando uma selfie ou coisa parecida!

Esta imagem se tornou uma espécie de representante do “indivíduo romântico”, aquele que sai pelo mundo em busca de si mesmo. Muito poético e filosófico! E é a obra mais famosa de Herr Friedrich.

Mas ele não fez só isto! Como poderão conferir abaixo, ele fez mais uma porrada de pinturas boas! Muitas delas também representando pessoas solitárias em cenários grandiosos!

Hans Peter Kolb – Realismo Surreal

Malditos pincéis alemães! Mal posso ver seus movimentos!

Vamos conhecer hoje herr Kolb, um germânico hyperrealista que, como todos os outros, veio aqui para nos esfregar na cara o quanto somos preguiçosos e não sabemos fazer um acabamento decente em nossas obras.

No entanto, este mano prefere fazer artes realista retratando o surreal: obras fantasiosas, estátuas fantásticas e cenários oníricos. Aprecie abaixo algumas de suas belas obras.

4427c776332664de68e6d6077fe3b0a8-d39uf32 33339,xcitefun-05032009036643700123628 227890-Leyzif2000 227893-Leyzif2000 Brush_the_Sky forever_02_by_hanspeterkolb-d39t7pl hans-peter-kolb-3 Rising_from_the_Stone-1198754866l schuetze_1024x768_web Tree_of_Love_by_HansPeterKolb

Chris Thunig – Coisa de Cinema

Teremos aqui hoje um destes artistas que faz concept para cinema e videogames (que, na minha opinião, são os atuais Michelangelos, dão vida à lendas!).

Chris Thunig já trampou para filmes da Warner, como O Código DaVinci, para animações fodas como Noiva Cadáver e atualmente trabalha na produtora de games Blizzard. Como verão abaixo, a arte dele é estilo bem realistão e costuma ter um acabamento mais “finalista” ao invés dos traços mais simplões que vemos na maioria dos concepts. Babem!

1 4 5 ca_008_a ca_010_a ca_016_a ca_017_a Image converted using ifftoany ca_021_a mp_001_a mp_019_a mp_021_a

Emil Doepler – Das Deutsche

Como foi que passou TANTO tempo e eu fiquei sem falar de nenhum artista alemão?

O primeiro a ter esta inestimável honra de aparecer no hall da fama do meu bloguinho é Carl Emil Doepler, “O Jovem”. Ilustrador e pintor que viveu e trabalho no entre-séculos XIX e XX. Fez muitos trabalhos, mas é mais conhecido por ter feito belas pranchas que fez para o livro Walhall: Die Götterwelt der Germanen,  “Os Deuses da Germânia”.

Mais alemão que isto, impossível!

5554_valkyries_by_emil After-Ragnarok DOEPLERLokiSigyn DOEPLERODINMimir DoeplerOdinVolusngasaga Emil_Doepler_1855 Idise_by_Emil_Doepler Losungen_by_Emil_Doepler Nerthus_by_Emil_Doepler UNKNOWNFroyakatter Walhall_by_Emil_Doepler Wodan_Heilt_Balders_Pferd_by_Emil_Doepler