Simon Bisley – Habemus Ars

E aqui estamos nós!

Mais uma vez para apreciar umas artes fodidaças do mestre Bisley, inspiradas em passagens bíblicas em homenagem à Páscoa – embora, cês tão ligado que a páscoa, originalmente, NÃO ERA feriado cristão, né? Era comemoração do renascimento da Deusa-Terra na Europa, marcando o fim do inverno! Mas os cristão, para variar, abduziram esta data para eles também.

Bora lá!

Bible-68 Bible-69 Bible-70 Bible-71 Bible-76 Bible-77 Bible-83 Bible-85 Bible-88 Bible-90 Bible-102 Bible-95 Bible-98 Bible-100

Simon Bisley – Novo Habitué

Olá, galerona! Após o nosso post de despedida do mestre Frazetta no final do ano passado, o blog ficou sem um habitué… Sabe como é, aquele cara que sempre dá as caras na casa e por isso já vira da família.

Pois bem, mestre Bisley, que apareceu por aqui outras vezes, tomará o seu lugar!

Uuuuuh, polêmico! Estou comparando os dois mestres? Estou dizendo que ele é melhor que o mestre Frazetta para ficar em seu lugar? Ou que ele é pior? PORRA NENHUMA! Ambos são mestraços, cada um no seu quadrado! Mas como os temas que o Frazetão gostava de ilustrar eram semelhantes que que o nosso mestre Bisley curte, então achei que seria legal ele pegar esta vaga. Apenas isto!

Mostraremos muitas artes fodas deste mestre ingles do punk medieval! Para começar, vamos ver umas pranchas dele de interpretações que ele fez de passagens bíblicas! Bora lá!

Bible-30 Bible-33 Bible-34 Bible-47 Bible-48 Bible-50 Bible-53 Bible-54 Bible-58 Bible-59 Bible-60 Bible-61 Bible-62 Bible-64 Bible-65

Joseph Loughborough – Primal

Ah… o carvão! A mais antiga ferramenta de arte pictórica já criada pela humanidade! E o abstrato, com certeza, também foi uma dos primeiros movimentos artísticos já criados!

Mestre Lough curte estas duas coisas. Seus quadros mostram figuras vagamente humanas, encobertas pela sombra das grossas camadas do pó vegetal negro. Um pouco de cor ali ou aqui ajuda a complementar algumas de suas composições, mas o sentimento de confusão e falta de compreensão permanece… esta é a arte em seu estado mais puro!

Confira algumas de suas obras abaixo.

h0 h1 h2 h4 h5 h6 h7 h8 h9 h10