José Ortiz – Traço do Oeste

O fumetti (quadrinho italiano) Tex é um dos mais famosos do mundo. Centenas de artistas deram vida às aventuras do mais italiano dos cowboys gringos. Porém, mestre Ortiz figura entre um dos mais habilidosos a emprestar seu traço nas aventuras do vaqueiro azul e amarelo.

Obviamente, não foi só Tex que este espanhol desenhou na vida, mas este merece um pouco mais de destaque. Agora, confira mais pranchas deste cara que deixou saudades!

Oscar Martin – Cartoon Feroz

Este cara desenhou uma porção de cartoons durante toda a sua vida! Dos quadrinhos do Tom e Jerry, passando por Disney e Warner bros. Sempre seguindo aquele estilo cartunizado que fez a alegria da criançada nas manhãs de sábado na televisão.

Porém, é com suas obras cartunescas autorais que o cara arrasa! Sua obra, The Terrifying World of Bobby (já ouviu algo parecido?!) e também SOLO – Los Supervivientes del Caos – são fodas PRA CARALHO!!! Basta dar uma olhada logo abaixo nas pranchas animais do cara e confirmar!

Pedro Campos – Promoção da Gôndola

O segredo dos pintores hiperrealistas é pegar um tema aleatório e desenhar até a mão cair. Simples mesmo!

Mestre Campos (cujo nome super comum tornou difícil achar informações sobre ele no google…) é deses. E o tema/tara dele sãos os objetos que a gente trás do supermercado. Isso me faz questionar se o tesão dele são os objetos em si ou se são os saquinhos de supermercado…

Bora conferir o trampo dele abaixo!

Salvador Dalí – Loucão!

Um classicão que há muito, MUITO tempo já devia ter aparecido por aqui! Bem, antes tarde do que nunca!

Hoje vamos apreciar as pranchas maluquetes de um zuado mais maluquete ainda, señor Salvador Domingo Felipe Jacinto Dali i Domènech, mais conhecido como “feladaputa doidivasso Dalizão”!

Este cara era uma figuraça! Não apenas se notobilizou como pintor das coisa doida do movimento surrealista/dadaista/cubista, mas como também trabalhou com filmes, fotografia, escultura, teatro… o cara era mitão das artes e costumava incomodar bastante seus colegas por ser considerado muito “estrelinha”, com seu bigodão estiloso e tals.

Você vai conferir neste post não apenas fotos de algumas de suas belas obras, mas também algumas fotografias maneirosas do maluco que, por si só, fez da sua própria personalidade excêntrica uma obra de arte. Dá um confere abaixo!

E agora, chegou a hora das foténhas do nosso mestrão!

… alias, tem mais foto que as artes dele mesmo, heh! Que cêfodassi!

Dalí vai mostrar nelas que, mesmo sendo um véio catalão esquisito, ele ainda é muito mais dadivoso que você!

Vicente Romero Redondo – Rolinhos Redondinhos

Quando eu era pequena eu adorava desenhar com pastel, mas não os de palmito (*melhor piada do ano!*). Lembrava um pouco o giz de cera da época da pré-escola, embora eles fossem muito mais delicados e profissionais. Infelizmente, este tipo de material é meio caro e não pude treinar muito com ele.

Mas eu ainda admiro muito artistas que investem nesta técnica, como o mestre Redondo. Suas telas são todas trabalhadas no pastel e ele sabe imprimir uma imensa delicadeza em suas figuras. O estilo do cara lembra bastante o Impressionismo, fazendo a gente lembrar do Edgar Degas, principalmente quando o mano começa a pintar bailarinas. O modo como ele também trabalha a luz é muito bonito.

Você pode curtir as telas suaves e seu estilo impressionista impressionante (*segunda melhor piada do ano!*) logo abaixo.

 

Juanjo Guarnido – A Volta do Gato Preto

Já faz muito tempo que eu tô devendo um repeteco de mestre Guarnido. E esta época é boa, pois a sua famosa série Blacksad está sendo REPUBLICADA aqui no Brasil!

Sim, a editora Sesi-sp resolveu pegar a franquia e republicar os dois primeiros albuns e, se tudo der certo, publicar os inéditos! Maravilha! O primeiro, BLACKSAD: 1 – ALGUM LUGAR EM MEIO ÀS SOMBRAS, já está disponível! Vão atrás!

E enquanto vocês vão separando a graninha para comprar os álbuns, confira uma amostra nova das artes do cara abaixo!